Marques Mendes, por boas causas

Vale a pena ler esta breve nota publicada há dias no facebook pelo José Paulo Fafe, sobre os bons préstimos do comentador Marques Mendes em prol de causas muito próprias. E a pergunta feita num comentário ao Post e que é também muito interessante…

@[1477719690:2048:Jose Paulo Fernandes-Fafe] AOS 55 anos, Luís Marques Mendes pode estar eternamente agradecido a Francisco Balsemão que, ao franquear-lhe as portas dos estúdios de Carnaxide, possibilitou-lhe empoleirar-se numa das tribunas semanais da SIC, permitindo-lhe assim pôr a render os contactos e influências que foi amealhando ao longos dos anos em que esteve envolvido na política activa. E agora, a par desses comentários onde prega a ética e a moral na política, este antigo assalariado de Isaltino de Morais na Universidade Atlântica (lembram-se?) protagoniza autênticas "investidas" profissionais junto de quem ele crê necessitado dos seus serviços, não hesitando em pôr-se em bicos de pés e oferecer o seu "trânsito" nos  meandros e altas esferas do poder. A entrada ("a mil"...) em cena deste paladino da ética na chamada "advocacia dos negócios" tem sido muito comentada nas últimas semanas, especialmente agora que se volta a falar no renovado interesse de Germán Eframovich na (adiada) privatização da TAP...
AOS 55 anos, Luís Marques Mendes pode estar eternamente agradecido a Francisco Balsemão que, ao franquear-lhe as portas dos estúdios de Carnaxide, possibilitou-lhe empoleirar-se numa das tribunas semanais da SIC, permitindo-lhe assim pôr a render os contactos e influências que foi amealhando ao longos dos anos em que esteve envolvido na política activa. E agora, a par desses comentários onde prega a ética e a moral na política, este antigo assalariado de Isaltino de Morais na Universidade Atlântica (lembram-se?) protagoniza autênticas “investidas” profissionais junto de quem ele crê necessitado dos seus serviços, não hesitando em pôr-se em bicos de pés e oferecer o seu “trânsito” nos meandros e altas esferas do poder. A entrada (“a mil”…) em cena deste paladino da ética na chamada “advocacia dos negócios” tem sido muito comentada nas últimas semanas, especialmente agora que se volta a falar no renovado interesse de Germán Eframovich na (adiada) privatização da TAP…
  •  Sabem o que é Bilderberg?

Anúncios
Post a comment or leave a trackback: Trackback URL.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: