Monthly Archives: Setembro 2012

Toca a Mexer pesa quase metade da Casa dos Segredos

Bárbara Guimarães só conseguiu um nono lugar na estreia

As aparências iludem, por isso, para quem pensasse o contrário, fica a certeza que o Toca a Mexer da SIC pesa cerca de metade da Casa dos Segredos da TVI… nas audiências…

O programa da TVI teve pouco mais de 761 mil espectadores,  com larga vantagem para Queluz que cconquistou um milhão e 357 mil espectadores. Ainda assim, menos meio milhão de pessoas do que na estreia.

Balsemão na RTP

Não podia haver melhor sinal do grande apreço que Balsemão têm pelo actual gestão amiga da RTP. Uma gestão pública que lhe permite ter negócio com apenas um concorrente merece ser acarinhada e por isso Balsas vai fazer uma perninha a 5 Outubro no “5 para a Meia Noite”, um programa que à boa maneira portuguesa raramente começa à hora prometida…

“Francisco Pinto Balsemão vai sentar-se no sofá a conversar com Nilton”, isto depois de ter adiado a participação inicialmente prevista para esta semana (o Conselho de Estado é capaz de ter algo que ver com isto).

Será que vai explicar o motivo porque teve de sair da presidência executiva da Impresa?

Crespo: “Passou mais um dia e a RTP custou mais um milhão de euros”

Mário Crespo (o tal que partilha uma ligação curiosa com o patrão Balsas) anda muito inspirado quando encerra o ‘Jornal de 9’ da SIC Notícias, com a RTP a ser fonte da inspiração. A Comissão de Trabalhadores da estação pública, não gostou de tanta inspiração – e será que Balsemão, defensor-mor do serviço público (que o safa de ter concorrência) terá gostado? – e apresentou uma queixa, quer do jornalista, quer da SIC, ao Sindicato dos Jornalistas, por Crespo estar a promover uma “campanha de difamação”.

“Passou mais um dia e a RTP custou mais um milhão de euros” foi uma das frases lançadas por Crespo, entre várias outras que, para a Comissão de Trabalhadores da RTP, são “um apelo ao linchamento moral que a calúnia mil vezes repetida produz sobre pessoas pouco informadas”. Além disso, sobre o nilhão, a Comissão diz ter “uma interminável bateria de provas, insofismáveis, sobre a falsidade do número infamante”. Pois neste caso que as mostre, caso contrário mantemos todos a ideia de que  “Passou mais um dia e a RTP custou mais um milhão de euros”…

Comissão de trabalhadores dá razão a quem quer privatizar RTP

A comissão de trabalhadores da RTP veio acusar o primeiro-ministro de obrigar a um gasto “injustificável” de milhares de euros para que a entrevista desta noite se realize em São Bento. Concordocom as críticas ao gasto, mas ieste episódio só vem dar razão a quem defende que a RTP seja privatizada por ser hoje um caro canal ao serviço da política e de uns quantos entretainers pagos a peso de ouro.

“Não entendemos que tenha imposto a realização da entrevista em S. Bento, com um custo adicional de milhares de euros para o erário público, injustificável em tempo de cortes na despesa”, referem. Ora, com a RTP privatizada a sério, esse custo já não é suportado pelo erário público.

Ou seja, a indignação quanto ao episódio é justa, mas os argumentos não podiam ser os piores para quem tem o objectivo de manter a RTP pública…

SIC e TVI perdem com TV do Correio da Manhã

O canal cabo da Cofina, a lançar em Março, já foi buscar reforços para as áreas de produção e realização na SIC e na TVI

Tiago Brochado, que era realizador da SIC, especializado na transmissão de festivais de música e jogos de futebol, fica responsável pla coordenação da realização, enquanto o novo  coordenador de produção e emissão da CM TV será Pedro Mourato, deixando o cargo de coordenador de produção da TVI.

Rififi na Família Balsemão

A escolha de Pedro Norton por Francisco Pinto Balsemão para assumir a presidência executiva da Impresa já começa a fazer os seus efeitos com Francisco Maria, o filho ilegítimo de Balsas, como protagonista…

Como conta o DN, “de um relacionamento com Isabel Supico Pinto, nasceu Francisco Maria. A criança só foi reconhecida pelo pai após ordem de tribunal. Hoje, já adulto, é vice-presidente da Impresa e muito próximo de Balsemão”, mas nem essa proximidade evitou que agora se recusasse a alinhar na nova equipa de gestão, depois de ter sido preterido pelo pai no cargo de CEO. O “sucessor natural”  não quis agora ter qualquer papel na gestão executiva do grupo, o que se entende… pois passou, na prática, de nº 2 a nº3 e ainda teria de actuar sob as ordens de Norton, que anteriormente era seu subordinado.

O anúncio de ontem de que Raul Carvalho das Neves é, a partir do próximo dia 1 de Outubro, o novo chief operating officer com o pelouro da Tecnologia e Operações da Impresa, “responsável pelas áreas técnicas da televisão, a área de produção da publishing e ainda a direcção de sistemas e tecnologias de informação, bem como os arquivos”,prova este afastamento de Francisco Maria.

Foi o próprio Pedro Norton que veio a público afirmar que esta tinha sido “uma função para o qual desafiámos Francisco Maria [Balsemão], mas ele fez uma reflexão ponderada e sentiu que não tinha condições reunidas”…

Na gestão executiva fica,assim, apenas o filho Francisco Pedro Balsemão, com o pelouro dos Recursos Humanos, Jurídico e Sustentabilidade… Um pelouro de muita importância e que deve ficar na família onde podem haver situações que se tornem insustentáveis…

Expresso de Balsemão perde 15,5% dos leitores

O Expresso de Balsemão descarrilou de vez… com uma quebra de 15,5% nas vendas em banca. Os leitores do semanário da Impresa são cada vez mais uma espécie em vias de extinção.

Na liderança continua o Correio da Manhã, com uma quota de mercado de 52,2% entre os diários generalistas, mas também a perder leitores… Enquanto o ‘Jornal de Notícias’ do Oliveira caiu 21%  (todos os outros diários da Controlinveste também tombaram). Já o Sol do Saraiva (digo do Saraiva há falta dos rostos proprietários) perdeu 27,8%.

Portugal entre líderes no desemprego de longo prazo

 

Os dados hoje divulgados pela OCDE são preocupantes, muito preocupantes. Portugal tem apenas Espanha, Eslováquia, Irlanda e Grécia à frente do ranking de países, com taxas de desemprego de muito longa duração mais elevadas.

Cerca de 27% dos desempregados portugueses andam há procura de sair desta situação há mais de 24 meses e 45% está nela há mais de um ano.

Que merdia de vida esta!

 

Lucros a cair

Os lucros da Cofina de Paulo Fernandes caíram para 646 mil euros no primeiro semestre deste ano, contra os 4,4 milhões de euros de lucro em igual período de 2011. Já na Media Capital, a queda foi 58 por cento, para 4,05 milhões de euros.

Resultados que espelham bem a crise que vai nos merdia portugueses…